domingo, 30 de maio de 2010

Domingo de manhã.

Uma coisa que eu não tolero e ser importunado no domingo pela manhã.
Não tolero mesmo. É o momento da semana que eu tiro para dormir, recuperar o sono da semana toda. Mas como sou uma pessoa extremamente sortuda, acabou acontecendo. Minha mãe acordou-me apenas para discutir comigo.
Porra! 8h da manhã para isso, se fuder!
Tá certo que eu acabei entupindo a pia da área com gelatina da preparação da minha tela e com isso inundando toda a área. Era só me mandar limpar tudo depois, mas não. Começou a falar as besteiras que sempre fala a respeito da profissão que escolhi e de outras coisas. Ignorei como sempre.
Entretanto uma coisa que ela disse acabou me abalando mais do que qualquer outra coisa.
"No final, você vai acabar sozinho. Porque ninguém gosta de viver com fudido na merda não!"

Caralho... eu já estou sozinho... Meu coração voltou a doer absurdamente como na sexta-feira.
Fiquei com vontade de socar, mas me controlei.
Fui para a cama e tentei voltar a dormir. De olhos fechados, minhas bochechas ficaram úmidas...


--------------------------------------
Esse é o meu clima!

2 comentários:

Marrie Posa disse...

oooown meu amor!!!
eu quero ficar com vc pra sempre..
me fez chorar!! opções: estou muito sensível, me reconheci nas suas palavras ou você realmente escreve bem hahahahha
já escutei coisas que me doeram, na verdade muitas.. eu estou viva e vc também..

bjinhos

Amador Antonio disse...

Quero acreditar que escrevo tão bem quanto desenho, mas gosto de mentir para mim mesmo! huauhaua